Pesquise no Grupo AVPH
loading...

Andrewsarchus

Andrewsarchus - AVPH Andrewsarchus - AVPH Andrewsarchus - AVPH

    O Andrewsarchus (Andrewsarchus mongoliensis) cujo nome significa "A besta soberana de Andrew da Mongólia" viveu há aproximadamente entre 45 e 36 milhões de anos atrás durante o Eoceno na Ásia.
    Eram do tamanho de rinocerontes e pertenciam a uma ordem de onívoros terrícolas conhecida como Artiodactyla, entretanto a sua classificação precisa ainda não foi definida. O crânio do Andrewsarchus media 86 centímetros de comprimento e 56 centímetros de largura, seus enormes corpos podiam chegar a 1,8 metros de altura no dorso e medir cerca de 3,6 metros de comprimento, seu peso era próximo de 800 quilogramas. Acredita-se que habitavam regiões costeiras e sendo assim sua dieta poderia ter sido mais onívora do que carnívora, baseando-se em carniça, ossos, plantas, raízes, baleias encalhadas, tartarugas e moluscos. Usando seu tamanho formidável, poderia afastar outros predadores e carniceiros menores, roubando assim facilmente seus alimentos. Os dentes e as mandíbulas dos Andrewsarchus são uma das mais fortes já vistas em um mamífero terrestre, estima-se que fossem capazes de morder e quebrar grandes ossos com facilidade.
    O Andrewsarchus foi nomeado pelo famoso explorador e caçador de fósseis Roy Chapman Andrews. Seus restos fósseis foram descobertos em junho de 1923 por Kan Chuen Pao, um membro da expedição de Andrews, em um local no deserto de Gobi, na Mongólia Interior conhecido como Irdin Manha (Erdeni-Mandal ou Erdenemandal) durante a terceira expedição asiática liderada por Andrews e patrocinada pelo Museu Americano de História Natural. O crânio está agora em exibição no Museu Americano de História Natural, em Nova York, entretanto o maxilar inferior nunca foi encontrado. Foi classificado no clado Mesonychia devido à semelhança na estrutura entre seus dentes e do crânio com os de outras espécies Mesoniquídeos conhecidos de esqueleto completo, no entanto, grande parte deste foi baseada apenas na publicação original de Osborn, estudos recentes têm encontrado outras possibilidades para a classificação desta espécie.

Dados do Mamífero:
Nome: Andrewsarchus
Nome Científico: Andrewsarchus mongoliensis
Época: Eoceno
Local onde viveu: Ásia
Peso: Cerca de 800 quilogramas
Tamanho: 1,8 metros de altura e 3,6 metros de comprimento
Alimentação: Onívora

Classificação Científica:
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Artiodactyla
Subordem: Cetruminantia
Gênero: Andrewsarchus
Espécie: Andrewsarchus mongoliensis Osborn, 1924

Referências:
- Osborn, Henry Fairfield (November 11, 1924). "Andrewsarchus, giant mesonychid of Mongolia" (PDF). American Museum Novitates (The American Museum of Natural History) (146). Retrieved 2007-08-05.
- Spaulding, M; O'Leary, MA; Gatesy, J (2009). Farke, Andrew Allen, ed. "Relationships of Cetacea (Artiodactyla) Among Mammals: Increased Taxon Sampling Alters Interpretations of Key Fossils and Character Evolution". PLoS ONE 4 (9): e7062. doi:10.1371/journal.pone.0007062. PMC 2740860. PMID 19774069.



loading...
   ® Atlas Virtual da Pré-História - AVPH.com.br | Conteúdo sob Licença Creative Commons | Política de Privacidade | Termos de Compromisso | Projeto: AVPH Produções
    Obs.: Caso encontre alguma informação incoerente contida neste site, tenha alguma dúvida ou queira alguma informação adicional é só nos mandar um e-mail. Tenha uma boa consulta !!!.